Agência Brasília, da propaganda para o jornalismo e de volta à propaganda

O governador Rodrigo Rollemberg deu hoje uma entrevista aos blogueiros de Brasília que se reúnem em uma associação da qual não participo. Estou curioso para ver se alguns deles foram, cara a cara com o governador, tão críticos como são em seus textos. Dos blogueiros comprados com a publicidade oficial não espero nada mesmo.

Tenho, porém, de aguardar os blogs para saber como foi a entrevista, porque a Agência Brasília, do governo, conseguiu produzir uma enorme matéria em que apenas relata o que disse o governador, no já batido e conhecido discurso que faz sobre suas “entregas” (terminologia em moda na tecnocracia) até agora. A agência não reproduz uma só pergunta dos blogueiros, muito menos as respostas.

A Agência Brasília vinha sendo, desde sua criação, um caro instrumento de propaganda de sucessivos governos de Brasília. No início da atual gestão, foi totalmente renovada e organizada para fazer jornalismo, com informações amplas e corretas, deixando a propaganda para a Subsecretaria de Publicidade. Os veículos de comunicação da cidade sabiam que tinham ali informações fidedignas e bem apuradas.

Muita gente no governo estranhou e criticou as mudanças, coerentemente com a visão de velha política e velha comunicação que carregam. Queriam a agência para disseminar informações falsas e ufanistas, fazer autopromoção e badalar autoridades. Agora a Agência Brasília voltou a ser de propaganda, não de jornalismo.

 

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *